Convenção Coletiva de Trabalho firmada!

 SINTRAE

No 26 de abril, o SINTRAE-MS (Sindicato dos Trabalhadores em Estabelecimentos de Ensino do MS) e SINEPE-MS (Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino do MS) firmaram a Convenção Coletiva de Trabalho 2022/2023. O reajuste linear conquistado foi de 8%. Já para os profissionais que recebem conforme o Piso Salarial, o reajuste será de 10,8%. Haverá parcelamento conforme abaixo:

Reajuste Linear

Para todos profissionais, incluindo Pisos Fundamental II, Médio, Cursos Livres e Superior: Reajuste de 8%, sendo: 5% retroativo a março e 3% em setembro.

Pisos Salariais

*A e B (Educação infantil e fundamental I) reajuste de 10,8%, sendo:

-5% retroativo a março, 3% em setembro + 2,8% em janeiro de 2023

*G, H e I: (Auxiliar Administrativo, Aux. Docente e Serviços Gerais) reajuste de 10,8%, sendo:

-Retroativo a Março (sem parcelamento)

Justiça

O presidente do SINTRAE-MS, professor Ricardo Fróes destaca que neste ano as negociações foram marcadas por impasse. “Nossa diretoria foi enérgica, garantimos o reajuste de 8% diante de muita firmeza e rejeitamos propostas que rebaixavam nossa categoria. Buscamos a justiça do trabalho para assegurar a data-base que os patronais negaram-se a assinar, ou seja, conquistamos a vitória judicial que foi muito importante porque sem esse benefício não teríamos a retroatividade nos reajustes.

Participe

O SINTRAE-MS mais uma vez destaca que é preciso mobilizar. “Conclamamos aos trabalhadores que desde já comecemos a nos preparar para a nossa próxima Campanha Salarial, precisamos de participação, da voz de cada trabalhador e trabalhadora, para isso envie mensagens, visite nossa sede e participe dos nossos chamados para Assembleias. Nossa diretoria é ativa, combatemos firme por melhorias, mas, juntos, nossa força é muito maior”, destaca Ricardo Fróes.

 

Expediente: Feriado Tiradentes

Feriado Nacional de Tiradentes Story Instagram 1080px  1080px 2

A sede administrativa estará fechada nos dias 21 e 22 de abril devido ao feriado de Tiradentes.

O Clube de Campo estará aberto normalmente no sábado e domingo, 22 e 23 de abril.

Venha para o Clube!

Terceira rodada marcada por impasse

CAMPANHA S SINTRAE

A terceira rodada de negociação entre o Sintrae-MS e Sinepe-MS mais uma vez foi marcada por embate. Desta vez, os patrões ofereceram 3% de reajuste a partir de março, acrescido de 2% em setembro. A proposta foi repelida pela Comissão negociadora do sindicato dos trabalhadores.

O presidente do SINTRAE-MS, professor Ricardo Fróes, criticou. “Nenhum avanço em relação ao que foi apresentado anteriormente, esse percentual nos ofende, é um índice que desqualifica o trabalhador do ensino do setor privado. Nossa Comissão Negociadora rechaçou essa mísera proposta”, destaca.

Reposição Inflacionária

A Comissão do SINTRAE-MS apontou que diante da difícil situação de sobrevivência, nos dias atuais, é justo que os profissionais recebam pelo menos o direito da reposição salarial do INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor), 10,8%, abrindo a possibilidade do parcelamento do valor.

“Queremos negociar a partir do índice inflacionário do período, mas nos deparamos com a resistência dos representantes patronais que apesar de muito elogiar os profissionais, afirmaram não ter condições de chegar ao índice, nem mesmo parcelado. No entanto, destacamos os trabalhadores não querem só elogios, estes não ajudam nas contas mensais. A categoria não tem condições de abrir mão de um direito que faz muita diferença para a sobrevivência de sua família”, destacou.

Intermediação

O SINTRAE-MS afirmou que se essa postura de intransigência da parte patronal continuar, irá procurar a intermediação da justiça do trabalho. “Já temos uma ação judicial para assegurar a data-base da categoria, tendo em vista a negativa do Sinepe-MS em conceder o direito. Se as negociações não avançarem, vamos buscar todos os meios jurídicos possíveis para defesa dos direitos dos trabalhadores.

Próxima Rodada de Negociação

Uma nova reunião foi marcada para o dia 08 de abril.

Segunda rodada de negociação

CAMPANHA S SINTRAE 1

No dia 16 de março, o SINTRAE-MS (Sindicato dos Trabalhadores em Estabelecimentos de Ensino do Estado de Mato Grosso do Sul) rejeitou a proposta patronal de reajuste salarial de apenas 2% em março, acrescido de 1% a partir de agosto - aos professores, auxiliares administrativos e auxiliares de serviços gerais das escolas e universidades particulares da base do sindicato.

A proposta foi apresentada pela comissão negociadora do Sinepe-MS (Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino do Mato Grosso do Sul), em reunião on-line para negociação da Convenção Coletiva de Trabalho 2022/2023. “Esse mísero percentual empobrece os padrões de sobrevivência diante das altas nos preços do mercado de consumo, isso nos ofende como trabalhadores de educação privada”, destaca o presidente do SINTRAE-MS, professor Ricardo Fróes.

Reajuste Salarial

O SINTRAE-MS defendeu a reajuste de 100% inflação do período, ou seja, 10,8% conforme o INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor) somado a 3,11%, totalizando 13,91. Conforme reivindicado pela categoria em Assembleia Geral.

“Foi vergonhoso, os trabalhadores estão comparando o valor da proposta patronal com migalhas, tendo em vista os exorbitantes lucros de grande parte das instituições de ensino do setor privado.  Os profissionais, que tanto se dedicam no cotidiano escolar, merecem um reajuste digno. Mas, as negociações continuam, a próxima mesa está agendada para o dia 22 de março e continuaremos empenhados pela categoria”, explica o professor Ricardo Fróes.

É hora de Mobilizar!

O presidente ressalta aos trabalhadores do ensino privado que é momento de mobilização: “Já ajuizamos ação judicial para assegurar a data-base já que nem esse direito o patronal concordou, esta atitude já demonstra o descaso com a nossa categoria. Participe, este é momento de suma importância, apoie o Sintrae-MS para conquistarmos pelo menos a reposição integral da inflação. Para isso, precisamos mostrar nossa força”.

Divulgue

Compartilhe as notícias do SINTRAE-MS para que trabalhadores da educação privada, pais de alunos e sociedade acompanhem nossas negociações. Envie sugestões e principalmente, participe das Assembleias”.

Sintrae-MS ajuiza ação para garantir a data-base

juridico sintrae 1

As negociações salariais 2022 já começaram e permeado por embate. Os representantes do sindicato patronal Sinepe (Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino de MS) negaram-se em assinar a garantia da Data-Base da categoria que é 1º de março. Para proteger o direito dos profissionais, o SINTRAE-MS(Sindicato dos Trabalhadores em Estabelecimentos de Ensino de MS)  recorreu à justiça do trabalho, ajuizou ação para garantir o direito do benefício.

O presidente do SINTRAE-MS, professor Ricardo Fróes, criticou a conduta patronal. “Uma atitude lamentável, tendo em vista que a data-base é de suma importância porque as cláusulas que forem negociadas na Convenção Coletiva de Trabalho 2022/2023 devem ser retroativas a 1° de março de 2022, ou seja, passa a valer a partir desta data, mesmo que as negociações terminem em outros meses”, destaca.

A Comissão Negociadora do SINTRAE-MS (composta pelo professor Ricardo Fróes, professor Eduardo Botelho, professor Pedro Domingues e professora Rita de Cássia) apontou que sem a data-base, as entidades patronais poderiam prorrogar as negociações ao máximo promovendo perdas sem a retroatividade. “É preciso que os trabalhadores sejam valorizados e tenham seus direitos respeitados”, destaca o profº Eduardo.

Negociações Salarias 2022

O SINTRAE-MS conclama a todos os trabalhadores para que participem, seja por Assembleias presenciais/ virtuais ou mesmo por sugestões e compartilhamento das notícias e postagens. É hora de mobilizar, precisamos

Campanha Salarial 2022

CAMPANHA SALARIAL SINTRAE Post para Facebook

A primeira rodada de negociação salarial entre o SINTRAE-MS e o sindicato patronal já tem data definida, será no dia 23 de fevereiro (quarta-feira), período vespertino, por meio de reunião on-line.

O presidente do SINTRAE-MS, professor Ricardo Fróes, explica que defenderá as reivindicações da categoria, elaborada em Assembleia que ocorreu no final de 2021.

“Defenderemos cláusulas econômicas e sociais, vamos em busca do reajuste salarial e valorização dos profissionais do ensino privado do MS”, destaca o presidente.

A data base da categoria é 1º de março.

 

CAMPANHA SALARIAL SINTRAE

No dia 11 de dezembro, aconteceu Assembleia Geral dos Trabalhadores da base do SINTRAE-MS (Sindicato dos Trabalhadores em Estabelecimentos de Ensino do Estado de Mato Grosso do Sul). A categoria articulou-se sobre a Campanha Salarial 2022, elaborou a Minuta de Reivindicações e deliberaram questões administrativas para fortalecimento do SINTRAE-MS.

O presidente, professor Ricardo Fróes, destacou a crise que o país tem enfrentando, em relação à política, economia e saúde. "Os reflexos recaem diretamente sobre os trabalhadores. Nós da educação, fomos muito penalizados a começar pela sobrecarga de trabalho, mas, apesar de tudo demos o nosso melhor. É preciso valorizar nossa categoria e buscaremos isso, por meio das negociações salariais, em busca de reajuste com ganho real", enfatiza.

Campanha Salarial
Em Assembleia, os trabalhadores apontaram as principais necessidades a serem defendidas em mesa de negociação, Desta forma, elaboraram e aprovaram a Minuta de Reivindicações. foi entregue na manhã do dia 15 de dezembro ao sindicato patronal.

A data-base dos trabalhadores do ensino privado é 1º de março. Acompanhe todas as notícias pelo site www.sintraems.org.br e redes sociais @sintraems.

Fortalecimento do sindicato
Outra relevante articulação, foi a sobrevivência do sindicato e manutenção do Clube de Campo. Fróes destacou que o fim da contribuição sindical, a reforma trabalhista e crise sanitária da Covid-19 afetaram a questão financeira do sindicato. "É importante que os trabalhadores sindicalizem-se, para mantermos nosso sindicato aberto, temos uma base grande e se unirmos nossas forças, fortaleceremos nossa categoria".

Há mais de 10 anos, o SINTRAE-MS manteve o valor de mensalidade associativa no percentual de 1,5% do salário, com teto de 60 reais. Na Assembleia, foi aprovado por unanimidade o reajuste, que passará para percentual de 2%, com teto de 70 reais. "Temos um grande legado, construímos um clube, uma sede ampla que é o espaço dos profissionais do ensino privado, estamos aqui diariamente para atender os trabalhadores. Para manter toda essa estrutura, precisamos de organização e recursos. Com a Covid, tivemos que fechar o clube por muitos meses, recentemente enfrentamos prejuízos com queimadas que aconteceram em volta do sindicato e danificaram fios e equipamentos. Enfim, contamos com os trabalhadores para manter nosso sindicato de portas abertas", explica o presidente.

Atendimento 16/02/2019

sintrae160219

Sintrae-MS em expediente neste sábado (16/02) para atualizar dados dos associados e novas filiações. Venha para o sindicato!

Neste sábado (16/02), a sede administrativa do Sintrae-MS atenderá os associados para renovação da carteirinha e também atenderá os trabalhadores que desejam se filiar.

O presidente do Sintrae-MS, professor Eduardo Botelho, destaca que o expediente diferenciado visa atender ao máximo a categoria. “Muitos profissionais do ensino privado não conseguem vir ao sindicato pois estão trabalhando no horário do nosso expediente, então, atenderemos neste sábado para proporcionar maior comodidade e também para incentivar que conheçam a sede e o Clube de Campo” destaca.

Quem deve atualizar o cadastro?

-Associados que tiverem com as carteiras vencidas;

-Associados que ainda estão com as carteiras válidas, contribuem mensalmente com 40 reais ou mais, estão dentro das regras para utilizar o clube, mas ainda não retiraram a nova carteira que autoriza a utilização do Clube; e

-Associados que ainda estão com as carteira válidas, mas que contribuem com menos de 40 reais e desejam utilizar o clube de Campo.

Carteira para utilização do Clube – Válida por um ano

-Se o associado já contribui mensalmente com o valor mínimo de 40 reais, só será necessário solicitar nova carteira para utilizar o clube;

-Se o associado contribui com valor menor que 40 reais, deverá realizar o cálculo para pagar o valor restante para chegar ao mínimo exigido para utilização do espaço. Por exemplo:

Se contribui com 30 reais, será calculado 10 reais mensais (para atingir ao valor mínimo), do período de 12 meses, o valor será 240 reais e pode ser pago por cartão.

Documentos necessários para atualização de cadastro:

- Último holerite (atualizado)

- RG CPF ou CNH

- Carteira de trabalho onde constam: série, foto, dados pessoais e TODOS os contratos de trabalho;

- Comprovante de residência;

- Foto 3x4 (impressa ou digitalizada)

- Termo de filiação preenchido todos os campos.

Dependentes:

Cônjuge

- Certidão de casamento

- RG CPF ou CNH

- Foto 3x4 (pode ser encaminhado via WhatsApp)

Filhos

- Certidão de nascimento

- Foto 3x4 (impressa ou digitalizada)

Novas Filiações

Para quem deseja se filiar, os documentos são os mesmo citados acima.  A contribuição - (desconto no holerite bruto mensal) para filiação é 1,5% do salário, sendo que o valor mínimo de mensalidade é 15 reais e o teto máximo de mensalidade é 60 reais.

Endereço do Sindicato:  Rodovia MS 080 km 10 s/n - CEP 79114-005

Em caso de dúvidas, ligar: 067 3356 3422 / WhatsApp 067 99251 0028

Clube de Campo estará aberto aos associados em dezembro

                                         

Clube SINTRAE MS aberto 1080 x 1080 px

Com muita alegria, mas também com muita precaução à saúde dos trabalhadores do ensino privado, a diretoria do SINTRAE-MS anuncia que o Clube de Campo voltará a atender  os filiados a partir do dia 1º de dezembro de 2021, inicialmente apenas aos sábados, domingos e feriados.

O presidente, professor Ricardo Fróes, comemora a possibilidade dos associados usufruírem do espaço de lazer. “Há meses os trabalhadores esperam por este momento, tivemos todo cuidado no momento crítico da pandemia, agora que mais de 60% da população da capital estão vacinados, reabriremos com um pouco mais de segurança”, destaca.

Medidas de Prevenção

O presidente lembra que como o vírus ainda não foi totalmente eliminado e ainda existem normas sanitárias, por isso, o Clube reabrirá mediante as mudanças:

  •  É obrigatório uso de máscara nas dependências, exceto na área de piscina e espaços de alimentação;
  • Para evitar aglomerações, haverá limite de pessoas no Clube, por isso, é necessário agendar o passeio por meio do Whatsapp do Sintrae-MS ( de segunda até quinta-feira). Na ocasião, o filiado deve informar o seu nome e também dos dependentes que estarão no clube;
  • O número de convidados também será restrito, o valor é de R$ 30,00 por pessoa;
  • Haverá portaria na sede, por isso, se o nome não estiver na lista, não haverá possibilidades de entrar no Clube; e
  • Não será permitida a presença de pessoas com sintomas de gripe, mesmo que estejam vacinadas contra a Covid-19.

 “Essas novas normas são para prevenir e também possibilitar que todos os associados venham ao Clube. O agendamento garantirá que venham com segurança, também evitará que o trabalhador se programe e ao chegar encontre o clube lotado sem possibilidades de entrar. Organizados, todos poderão usufruir do espaço”, destaca o presidente.

Locação para Eventos:

Os salões sociais do SINTRAE-MS também já estão abertos para locação. Consulte disponibilidade pelo telefone: 3356-3422 | whats 9 9251-0028

Importante: Conheça as normas do Clube

clube normas 2021  2

 

 

Verão 2018

Neste verão, venha para o Clube de Campo do Sintrae-MS

O Clube de Campo do Sintrae-MS está preparado para receber os associados. Com piscinas, quadra de areia, quiosques com churrasqueiras, campos de futebol  e salões para eventos, o espaço é totalmente adequado para receber os associados do sindicato e seus familiares.

Atualize sua carteira de associado para utilizar o Clube

O SINTRAE-MS divulgou, no primeiro semestre, alterações para manutenção do Clube de Campo. “Com a Reforma Trabalhista, que retirou a obrigatoriedade da Contribuição sindical, principal forma de sobrevivência do sindicato, a receita diminuiu mais de 60%, desta forma, para manter o funcionamento e a qualidade do Clube o SINTRAE-MS fez alterações nas normas de utilização”.

Atualmente existem duas formas de utilização do Clube

Mensalidade: Neste caso, a mensalidade do associado (a) deve ser no mínimo no valor de R$ 40,00. Assim, aqueles que pagam a mensalidade com  valores inferiores, devem procurar o sindicato que gerará uma guia para recolhimento do  restante do valor, no período de 12 meses.

Por exemplo, se a mensalidade for de 30 reais, faltarão 10 reais para o valor de R$ 40,00. Neste caso, o associado deve procurar o administrativo do  sindicato, que gerará boleto somando os 10 reais no período de 12 meses, totalizando 120 reais, valor que poderá ser parcelado. Ao solicitar a alteração, o trabalhador receberá nova carteira de associado, adicionando o termo CLUBE que terá um ano de validade, sendo liberada entrada por quantas vezes o associado e seus dependentes legais quiserem ir ao clube neste período.

Aqueles que já possuem contribuições mensais a partir de 40 reais, devem apenas solicitar a troca das novas carteiras com o termo CLUBE para utilização do espaço.

Taxa de 30 reais:Se o(a) associado contribui com valor menor que 40 reais e não tiver interesse em se adequar para obtenção da carteira do CLUBE, pode utilizar as dependências de lazer pagando taxa de 30 reais para ele(a), 30 reais para cada familiar e 30 reais por cada  convidado, todas as vezes que forem ao Clube.

Por exemplo, se uma professora não-filiada for ao clube com o seu filho e sua mãe, deverá pagar 90 reais em apenas uma única vez que for ao clube. Todas as vezes que retornarem deverão pagar 90 reais, se forem apenas dez vezes ao ano, totalizará um valor  de 900 reais.

Por que é mais vantajoso se adequar ao Cartão Clube?

É mais vantajoso porque o associado irá apenas somar ao que já é pago mensalmente e desta forma poderá ir quantas vezes quiser, junto aos  seus dependentes legais, ao Clube durante um ano (podendo renovar posteriormente),  sem precisar pagar nada na entrada - somente os convidados deverão pagar 30 reais por pessoa quando forem junto. Desta forma, economizará e desfrutará de momentos de lazer em família, refletindo em sua qualidade de vida e saúde mental.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Importante: Participe da Pesquisa

WhatsApp Image 2021 10 25 at 18.00.24

Profissionais do ensino, essa pesquisa é muito importante para dados oficiais relacionados à saúde mental do trabalhadores no Mato Grosso do Sul. Por isso, O SINTRAE-MS apoia e pede que participem, respondam ao formulário clique no link: https://forms.gle/KPFHDesuB7ZYNfq4A

Comunicados

reajuste2021

Convenções e Acordos Coletivos

Foi firmado entre Sinepe/MS e Sintrae/MS Acordo Coletivo Emergencial, onde tras as compensações e emendas de feriados, confira aqui.


Salário diminuiu e trabalho aumentou nas escolas e universidades particulares

Os trabalhadores das escolas e universidades particulares de Campo Grande estão em negociação salarial. Neste ano, as negociações acontecem de maneira online, o presidente do SINTRAE-MS (Sindicato dos Trabalhadores do Ensino Privado do Mato Grosso do Sul), professor Eduardo Botelho apontou as dificuldades enfrentadas pelos professores e administrativos e destacou que o reajuste salarial é primordial à categoria. Leia mais...

denuncias2021

NORMAS site

clube normas 2021  2

INFORME-SE

Acesse o site e leia síntese das normas clique aqui http://www.sintraems.org.br/index.php/clube

 


 

Por que ser associado ao SINTRAE-MS? Confira Benefícios.

Muito além da manutenção do Clube de Campo que oferece lazer aos trabalhadores das escolas e universidades particulares, o SINTRAE-MS é ferramenta substancial para a manutenção das conquistas e garantia de novos direitos aos profissionais.

O presidente, professor Eduardo Botelho, destaca que no atual cenário político social os educadores precisam de representantes que evitem perdas e que defendam com responsabilidade cada trabalhador(a). «Assim, atua a diretoria do SINTRAE-MS com responsabilidade e empenhados pela garantia dos direitos adquiridos à categoria» destaca .

Confira tabela com direitos adquiridos em Convenção Coletiva e benefícios assegurados por meio do engajamento dos diretores sindicais que transformaram o SINTRAE-MS em um sindicato forte e representativo.

 INTERVALO FRENTEINTERVALO VERSO1


A quem interessa o fim do sindicato?

Não tem jeito, por mais que a mídia tente colocar o trabalhador contra seu sindicato, que políticos realizem artimanhas para enfraquecer a sobrevivência sindical, menosprezando a importância da representação de classe, o trabalhador sabe que na hora da dificuldade só mesmo o sindicato para o defender.

Imagina como seria o cotidiano do trabalho sem o sindicato para defender salários dignos e negociar Acordos e Convenção Coletiva de Trabalho, para denunciar ambientes insalubres e até mesmo para combater os assédios morais. Sem contar, os atrasos salariais – quando isso ocorre o sindicato é o único a lutar ao lado da categoria. Além disso, quando o profissional é demitido, a entidade está preparada para conferir se os acertos estão corretos para impedir prejuízos. Acrescenta-se à luta unificada, nas qual as instituições sindicais somam forças com centrais e outros sindicatos do país na defesa trabalhista.

Outra importante função é a defesa dos direitos nos âmbitos judiciais, o SINTRAE-MS já garantiu incontáveis ações a favor dos associados, está em alerta para evitar prejuízos.

site

O sindicato é o canal de informação dos trabalhadores, uma comunicação direta sem as entrelinhas impostas pelas grandes mídias.

Imagine como seria árdua a vida dos trabalhadores sem os sindicatos e como essa realidade seria satisfatórias aos empresários, governos, enfim, mercado financeiro que poderiam explorar a mão de obra e lucrar cada vez mais, sugar toda a força de trabalho menosprezando o valor de cada trabalhador, com direitos e salários reduzidos.

Por isso, fique atento às informações veiculadas direcionadas à questão sindical. Não caia nas fake news e ciladas armadas para afastá-lo da sua própria categoria, porque o sindicato não é um prédio, não é um presidente ou um diretor, o sindicato é cada trabalhador(a)! Fortaleça a sua categoria.

 


HOMOLOGAÇÕES DE RESCISÕES

convencao coletiva homologacao 

SINTRAE-MS garante: Homologação deve ser feita no sindicato

Associado(a), com o SINTRAE-MS você tem a garantia de realizar a homologação da rescisão de trabalho no sindicato. Esse é um benefício que foi retirado pela Reforma Trabalhista, mas, assegurado pelo sindicato em Convenção Coletiva de Trabalho. Então, não se esqueça: Se o empregador agendar homologação na própria instituição de ensino, você tem o direito de solicitar que seja realizada no seu sindicato.

Com o SINTRAE-MS, você nunca estará sozinho. O sindicato é o espaço dos trabalhadores do ensino privado e trabalha diariamente para assegurar os direitos e buscar benefícios para a categoria. Conta com assessoria jurídica, orientações trabalhistas, convênios além de Clube de Campo com área de lazer admirável. Então, conheça o seu sindicato, sindicalize-se, tire suas dúvidas. Fortaleça os profissionais do ensino privado do Mato Grosso do Sul.

 

DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA PARA HOMOLOGAÇÃO, CONFORME CONVENÇÃO COLETIVA EM VIGOR.

...CLÁUSULA DÉCIMA QUINTA - DAS RESCISÕES DO CONTRATO DE TRABALHO.

O SINTRAE/MS homologará as rescisões contratuais, devidamente agendadas com no mínimo 24 horas de antecedência.

O agendamento deverá ser feito pelo telefone: 3356-3422 ou pelo e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Confira lista completa da documentação necessária para as homologações

 


Comemore seus melhores momentos no Clube do Sintrae-MS

capa sintrae ms1

Em julho, Sintrae-MS inaugurou salão social para a realização de eventos, no Clube de Campo. Preço especial de inauguração para Associados no período vespertino. 

*Salão Refrigerado e fechado, com amplas portas e janelas (protegido das intempéries climáticas);

*Com 2 ambientes: - espaço para mesas/decoração e espaço com grama artificial para colocar brinquedos locados;

*Cozinha com fogão, churrasqueira e freezer;

*Banheiros;

*Piscinas;

*Estacionamento;

*Capacidade máxima 60 pessoas;

*Locação para Associados e Não Associados, período vespertino e noturno. Preço diferenciado para os filiados ao Sintrae-MS.

face sintrae 1

Ligue para mais informações: 3356-3422 ou envie e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.


 

SINTRAE-MS garante atendimento psicológico com preço acessível à categoria

SINTRAE-MS garante atendimento psicológico com preço acessível à categoria

psicologas

Conhecendo a realidade da categoria da educação do setor privado, o SINTRAE-MS reconhece a necessidade dos cuidados com a saúde, tanto física quanto mental. Diante da sobrecarga de trabalho, ainda mais com a realização atividades extraescolares, aumentam os impactos na saúde mental dos educadores, gerando - em alguns casos - estresse, crises nervosas e até mesmo depressão. Leia mais...